O que você está procurando?

Assembleia de consórcio: entenda o que é e como funciona

28 de outubro de 2021
Blog image

Realizar um sonho, como a compra de uma casa própria, do primeiro carro zero ou até mesmo de cursar uma faculdade, nem sempre é uma tarefa fácil. Afinal, a maioria dos grandes objetivos requer muito investimento de tempo e dinheiro. 

Para deixar mais perto a execução desses planos, muitas pessoas buscam conseguir crédito em instituições financeiras. Entre as opções disponíveis no mercado, há uma sem juros, sem entrada e sem burocracias: o consórcio!

O consórcio opera com algumas regras específicas e dentre elas está a realização de assembleias de consórcio. Mas, você sabe o que isso quer dizer? 

Para tirar todas as suas dúvidas, preparamos um artigo muito especial para que você entenda de vez o que é e como funciona uma assembleia de consórcio. Boa leitura!

O que é uma assembleia de consórcio?

Antes de falarmos especificamente sobre as assembleias, é preciso destacar a maneira como esse crédito funciona. 

O consórcio é como uma espécie de “poupança coletiva”. Ou seja, as administradoras reúnem em grupos algumas pessoas que têm o mesmo objetivo em comum e que estão dispostas a contribuir para que cada uma possa conquistar o seu bem. 

Todos os meses os membros do consórcio realizam depósitos para abastecer um fundo comum que será o provedor do dinheiro. 

Então, você pode considerar o consórcio como uma compra a longo prazo, garantindo uma série de benefícios para o seu futuro! Quer ver como? Acompanhe nosso exemplo. 

Vamos supor que você foi até o banco para realizar um consórcio e comprar um apartamento. Ao assinar o contrato, é definido que o pagamento do crédito será dividido em 60 meses.

Então, serão 60 parcelas para quitar o seu consórcio e, a cada uma paga, você fica bem mais perto do seu sonho de adquirir o apartamento que sempre quis!

E a assembleia serve para reunir todos os consorciados e dar informações mensais sobre os planos durante o tempo de contribuição. 

Sendo nesse momento em que há o anúncio de mudanças e avisos sobre os planos e o consórcio, realização de sorteios, resultados dos lances e outras atividades.

Vale destacar que é a empresa responsável pelo consórcio que organiza as assembleias. Ao todo, existem duas modalidades de assembleia: as ordinárias e as extraordinárias. Abaixo, vamos conhecer um pouquinho mais sobre cada uma delas.

Assembleia ordinária

Conhecida como assembleia geral ordinária, esses eventos são as reuniões rotineiras que acontecem nos consórcios. A sua periodicidade pode variar de uma instituição financeira para outra, mas, geralmente, acontecem de forma mensal.

É durante as assembleias ordinárias que os consorciados têm acesso a diversas informações, como: 

  • oferecer os lances para aquisição da carta de crédito;
  • sorteios de contemplação da carta; 
  • realizar a prestação de contas; 
  • anunciar avisos;
  • esclarecer outros dados.

Todos esses aspectos são muito importantes e devem ser acompanhados com muita atenção, afinal, estamos falando do seu dinheiro, da realização dos seus sonhos e dos objetivos para o seu futuro!

Assembleia extraordinária

Se as assembleias ordinárias são aquelas que servem para tratar dos assuntos mais rotineiros do consórcio, a assembleia geral extraordinária, como o nome indica, acontece em situações bem específicas e de muita necessidade.

Por exemplo, se por algum motivo o tempo de duração do grupo precisar ser estendido, a instituição financeira poderá convocar uma assembleia extraordinária.

Para realizar a assembleia extraordinária, a instituição financeira precisa obedecer regras definidas pelo Banco Central:

  • Só podem ser realizadas assembleias extraordinárias se todos os membros do grupo forem avisados com 8 dias úteis de antecedência;
  • A concessionária precisa informar o local, a data e a hora do evento; e
  • É preciso também esclarecer o motivo da reunião antes da realização da assembleia.

Como funcionam os encontros?

Como vimos anteriormente, as assembleias são organizadas pela empresa responsável pelo consórcio. Na hora de assinar o contrato você já fica sabendo o local e a frequência em que as reuniões acontecerão. 

Portanto, dificilmente você será pego de surpresa com alguma assembleia, a menos que sejam as gerais extraordinárias. Sendo assim, você pode se preparar com antecedência para a participação dos eventos.

Quase todos os encontros são iguais. Ou seja, em quase todos os eventos a rotina é a mesma: 

1º passo

sorteio da carta de crédito

2º passo

resultadas ofertas de lances

3º passo

prestações de conta

Basicamente, se não houver nenhuma intercorrência, a maioria das assembleias seguirão dessa forma até o final do consórcio.

A grande diferença fica por conta da primeira assembleia. É nela que os grupos são constituídos e os participantes têm o primeiro contato entre si. Além disso, ainda ocorre a eleição dos representantes do consórcio, uma determinação do Banco Central. 

Em decorrência da pandemia, muitos processos do nosso cotidiano passaram a ser feitos de maneira online e com as assembleias não é diferente. 

Dessa maneira, as assembleias de consórcio passaram a acontecer pela internet, deixando o encontro ainda mais simples e facilitando a participação dos consorciados.

Qual a importância das assembleias para o consórcio?

As assembleias, tanto ordinárias quanto extraordinárias, são muito importantes para o consórcio. Afinal, é nelas que você poderá conquistar os seus objetivos com certa antecedência!

Acompanhando com atenção as assembleias do consórcio, você identifica padrões de lances e conhece o funcionamento do seu grupo, podendo dar lances mais precisos para antecipar a contemplação da sua carta de crédito

Então não deixe de participar e prestar muita atenção durante as reuniões!

Para saber mais sobre o consórcio e entender porque esse crédito é o melhor para você, continue em nosso blog! Aproveite e leia sobre como funciona a taxa de administração de consórcio.

Categorias:

Consórcio

Compartilhe:
Facebook logo

Última notícias

Última notícias