O que você está procurando?

Consórcio contemplado: o que fazer?

18 de novembro de 2021
Blog image

Consórcio contemplado: o que fazer?

Quando se contrata um consórcio, a maior conquista é ser contemplado. Ter a carta de crédito em mãos te deixa ainda mais perto das grandes conquistas do seu futuro.

É natural que, ao chegar esse momento, uma série de perguntas também venham junto. Quer entender mais sobre o que acontece com o consórcio contemplado e como realizar a compra do bem que você deseja? 

Continue a leitura desse artigo e saiba mais sobre essa etapa do consórcio!

O que significa ter a carta de crédito contemplada?

Ter a carta de crédito contemplada significa que o valor consorciado já está disponível para o uso, possibilitando a compra do bem desejado. Caso esse objetivo tenha sido conquistado pelo sorteio ou após a finalização dos pagamentos, desde que as mensalidades estejam em dia, já é possível receber a cota e utilizá-la imediatamente.

Muitas pessoas também veem no consórcio uma maneira de mudar de vida. É possível achar vendedores de cotas contempladas, o que pode ser muito vantajoso para quem quer fugir dos juros e precisa ter um bem com certa urgência. 

Os consórcios não trabalham com repasse direto de valores aos seus clientes. Ao invés disso, todos que foram contemplados têm acesso a um documento, conhecido como carta de crédito.

Esse documento será a sua moeda no momento de compra do bem que deseja. Por exemplo, se o seu consórcio foi feito para compra de um carro, ao ser contemplado, você apresentará à concessionária a carta de crédito. 

Uma das principais vantagens do documento é a possibilidade de negociar os preços e benefícios. Isso acontece pois utilizar a carta de crédito é o mesmo que realizar um pagamento à vista. 

Como posso ser contemplado?

Quando você tem o consórcio contemplado, ou seja, recebe a carta de crédito, é liberado o acesso à quantia solicitada mesmo se o seu plano de consórcio não estiver finalizado. Nessas horas, a escolha da administradora pode fazer toda a diferença.

Por exemplo, no caso do consórcio Itaú, as chances de ter acesso ao benefício antes da finalização das parcelas é grande, principalmente porque esse é o banco que mais contempla planos de consórcio!

A contemplação acontece durante as assembleias, que são as reuniões periódicas do grupo. Por meio delas, você pode ser sorteado ou ofertar um lance.

A dinâmica do lance vem da ideia de antecipar o pagamento de algumas parcelas. Por isso, é comum apresentar um valor à parte para conseguir a carta de crédito.

Se o seu caso for de uma contemplação por sorteio, você não poderá abandonar as parcelas do consórcio. Continuando no exemplo do carro, caso sua carta tenha sido sorteada depois de dois meses de consórcio, mas o seu plano dura 94 meses, os outros meses deverão ser quitados em dia.

O que fazer após ser contemplado no consórcio?

Com o consórcio contemplado, chega a etapa em que você tem acesso a sua carta de crédito para compra do bem que você sempre quis! Esse processo envolve algumas fases simples. Conheça:

Declaração de garantias

Não é raro um consorciado ser contemplado nos primeiros meses de consórcio. Por conta disso, é necessário apresentar algumas garantias de que todas as parcelas serão pagas em dia. 

O tipo de garantia é especificado no seu contrato do consórcio, variando de acordo com as regras vigentes na assinatura.

Documentação pessoal

A documentação pessoal é outra obrigação solicitada por todas as administradoras, mas cada tipo de consórcio pede determinados documentos. Por exemplo, no caso de um consórcio de imóveis, é preciso apresentar certidões e escrituras específicas.

Porém, existem algumas papeladas que são solicitadas para todos os tipos de consórcio, sendo elas:

  • RG ou CNH;
  • CPF, no caso de pessoa física;
  • CNPJ, no caso de pessoa jurídica;
  • comprovante de renda; e
  • comprovante de residência no nome do contemplado.

Tenha esses documentos sempre à mão para agilizar o processo de apresentação e comprovação das informações. Desse modo, a sua carta de crédito fica disponível de maneira mais rápida.

Comprovação de renda

A comprovação de renda pode ser feita de acordo com o tipo de profissão que você exerce. Geralmente, para trabalhadores formais, é solicitado o holerite mais recente e a carteira de trabalho. 

Já no caso dos autônomos ou informais, basta apenas apresentar a declaração do Imposto de Renda ou o DECORE.

Documentos do bem

Nessa etapa, você apresentará todos os documentos referentes ao bem que foi a pessoa consorciada. Informe especificações como modelo, marca, ano de fabricação, entre outros detalhes, por exemplo. No caso de imóveis, leve todas as certidões e declaração da propriedade.

Lembre-se: essa é a parte em que os documentos irão variar. Portanto, confirme com a administradora tudo o que é preciso.

Compra

Com todos os documentos apresentados e validados sem nenhum problema junto à instituição, chegou a tão sonhada hora da compra! Basta levar a sua carta de crédito, negociar os valores e aproveitar para usufruir do bem que, finalmente, é seu!

Ter um consórcio contemplado pode ser mais simples do que você pensava! Por isso, se planeje e escolha uma boa administradora para te ajudar a realizar esse sonho! 

Faça uma simulação do seu consórcio de maneira segura e sem burocracia com a gente :)

Gostou do artigo? Veja também nosso post sobre correção de consórcio contemplado!

Categorias:

Consórcio

Compartilhe:
Facebook logo

Última notícias

Última notícias