O que você está procurando?

Consórcio precisa de comprovante de renda? Saiba mais.

28 de outubro de 2021
Blog image

O consórcio é um modelo de crédito muito democrático, que se encaixa nos mais diversos tipos de sonhos. Mas, para iniciar no consórcio com o pé direito, é preciso apresentar alguns documentos que comprovem o seu compromisso com aquele crédito.

Com prazos longos e parcelas acessíveis, mesmo que você mantenha o pagamento em dia, será que o consórcio precisa do comprovante de renda? E para trabalhadores liberais, como comprovar a renda? Para saber mais sobre esse documento e tirar suas dúvidas, continue acompanhando esse artigo. 

Boa leitura!

O que é comprovante de renda?

Primeiro de tudo, precisamos entender mais sobre o comprovante de renda. Como o seu nome diz, esse é um documento que mostra aos bancos quais os seus rendimentos. Ele é muito solicitado no momento de contratação de determinados serviços e ajuda que as instituições caiam em golpes ou fraudes.

Isso porque nenhuma empresa vai aceitar fazer negócio se não sentir segurança no pagamento, não é mesmo? Então, o comprovante de renda é apenas uma segurança a mais de que tudo que está sendo prometido será cumprido sem maiores problemas.

Como ele funciona na prática

Na prática, ele mostra à administradora que você tem condições de pagar as parcelas do seu consórcio, sem se tornar inadimplente. Em casos mais sérios, sem a comprovação de renda, a empresa pode correr muitos riscos e colocar até os outros integrantes do grupo em uma situação delicada.

Além de proteger o consórcio, um comprovante de renda serve para:

  • Aumentar o limite do cartão de crédito;
  • Conseguir créditos pessoais mais arriscados;
  • Alugar imóveis;
  • Comprar ou trocar o carro;
  • Comprar um imóvel, entre outros.

Ou seja, o comprovante de renda é um dos facilitadores para que os seus sonhos se realizem! Por isso, para que você consiga conquistar seus objetivos, tenha um comprovante de renda atualizado sempre à mão.

Principais documentos para comprovar a renda

No caso dos trabalhadores formais, o comprovante de renda pode ser apresentado de um jeito bem simples:

  • Holerite;
  • Declaração do Imposto de Renda;
  • Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (DECORE);
  • Carteira de trabalho; 
  • Extrato bancário.

Por que esse comprovante é importante no consórcio?

Como falamos, o comprovante de renda é uma segurança que as administradoras têm para fechar negócio com você. No caso dos consórcios, isso não é diferente.

O consórcio em si é um investimento a longo prazo, sujeito a muitos imprevistos. Por isso, a documentação que comprove a sua renda será sua aliada para mostrar à empresa que as parcelas serão quitadas em dia.

Mas, não se assuste, mesmo que você seja um profissional liberal, freelancer ou autônomo, o consórcio também é para você!

Consigo iniciar um consórcio mesmo sendo autônomo?

Você já deve ter reparado que o consórcio é muito acessível, certo? E, mesmo que você seja um profissional liberal ou de carteira assinada, o consórcio funciona da mesma forma para os dois casos. 

Não tem segredo, o consórcio pode te ajudar a conquistar seu sonho de uma forma simples e democrática.

O consórcio é um sistema de compra a longo prazo, de uma forma bem mais planejada e em grupo. A cada parcela paga, você literalmente fica bem mais perto da sua casa própria ou do carro que sempre desejou!

Sem a necessidade do pagamento de entrada, o consórcio não conta com juros e as taxas presentes nas parcelas são muito pequenas. E, para que a sua conquista seja antecipada, as administradoras organizam assembleias para o sorteio e oferta de lances das cartas de crédito. Muito bom, né?

Viu, o consórcio funciona de forma simples e planejada, para que o seu futuro esteja ainda mais garantido, independente se você for um profissional formal ou autônomo! 

Mas, se o consórcio aceita profissionais liberais e exige uma comprovação de renda, como conseguir iniciar o meu plano? Bom, as administradoras costumam aceitar vários outros documentos de comprovante de renda sem ser o holerite. Quer saber quais são? Continue a leitura!

Tipos de comprovação de renda aceitas pelo consórcio

O holerite é apenas uma possibilidade dentro de outros documentos que comprovam a renda. Por isso, vamos falar um pouco mais sobre essas possibilidades de comprovante de renda dentro do consórcio e te ajudar a contratar esse crédito. Veja:

Extrato bancário

A conta corrente é uma ótima maneira de conseguir comprovar sua renda e mostrar à administradora que tem condições de arcar com um consórcio. Geralmente, o extrato de até seis meses já é suficiente para apresentar como documento.

Por isso, de preferência, reúna todos os seus recebimentos em uma só conta corrente. Isso facilita a base total de ganhos e, para levar até a administradora, imprima esse extrato pelo site do seu banco ou peça ao seu gerente.

Declaração do Imposto de Renda

Boa parte dos profissionais autônomos têm o costume de declarar o imposto de renda. Após ser enviado para a Receita Federal, esse documento é considerado uma comprovação de renda para as administradoras de consórcio. 

Porém, como ele se refere ao ano anterior, pode ser que seja preciso apresentar outro comprovante mais recente.

Recibos e notas referentes ao seu trabalho

Uma forma muito simples de comprovante de renda é a apresentação de recibos e notas referentes ao seu trabalho. Mas, nesse caso, é importante que constem as assinaturas de todas as partes no recibo.

Então, guarde seus recibos e notas em uma pasta ou documente no computador. Dessa forma, o processo de apresentação dessa comprovação é menos trabalhoso.

Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (DECORE)

A Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos, DECORE, é um documento que só pode ser feito por contadores. Por ser tão confiável, muitas instituições aceitam o DECORE como comprovante de residência.

Para a emissão, é preciso reunir outros documentos como extratos bancários, recibos e declarações passadas do Imposto de Renda. Assim, ao apresentá-lo à administradora, seu consórcio está bem mais perto de se tornar realidade!

A última coisa que a administradora deseja é que você desista do seu consórcio, por isso, facilita a sua vida desde a adesão do crédito.

Mesmo que o consórcio precise de um comprovante de renda, após esse artigo, ficou muito mais fácil de conseguir os documentos, né?

Se você quer dar o primeiro passo para o seu futuro, faça uma simulação com a gente agora mesmo e conte com o nosso time de especialistas para te ajudar!

Categorias:

Consórcio

Compartilhe:
Facebook logo

Última notícias

Última notícias